Olá Visitante, seja bem vindo!
Faça Login ou Registre-se
Artes
Filmes e Séries
Games
Literatura
Música
Quadrinhos
Home > Para Ler > Matérias
O melhor de Elvis Presley05. 09. 2012
Música
Elvis
Por Cintia Lopes
 
Muito já se falou e ainda se fala sobre Elvis Presley. Até as famosas teorias sobre a imortalidade do ícone continuam ecoando por aí. O que não muda mesmo é o fascínio que o Rei do Rock ainda exerce mesmo após 35 anos de sua morte. É o típico caso de admiração que ultrapassa gerações. Originalidade, pioneirismo, genialidade... Atributos para descrever o furacão Elvis realmente não faltam. E parecem pequenos para definir a devoção dos fãs em torno da figura que foi condecorada com o título de Rei do Rock em 1956, com apenas 21 anos de idade. 
 
A força em torno do mito é tão intensa que Elvis ocupa há anos lugar cativo na lista da Forbes, com faturamento de U$ 55 milhões em 2010. Além da venda de produtos licenciados, grande parte do lucro vem de projetos como The Elvis Experience e Elvis Presley in Concert, que chegam ao Brasil em setembro e outubro, respectivamente.
 
Nesse último, os fãs têm a oportunidade de conferir Elvis “interagindo” com os músicos originais que o acompanharam nos últimos oito anos. As projeções do cantor e o repertório escolhido a dedo, incluindo os sucessos "I Can’t Stop Loving You", "Johnny B. Goode", "That’s all Right", "Don’t be Cruel", "Heartbreak Hotel", "Blue Suede Shoes", "Love Me Tender", "My Way", apenas para citar alguns, prometem ser os pontos altos das apresentações. O projeto, inclusive, está no Guinness Book, o livro dos recordes, como a maior turnê já realizada de um artista “não vivo”. Por aqui, os concertos acontecem em Brasília, São Paulo e Rio de Janeiro.
 
Já a exposição The Elvis Experience, em cartaz a partir do dia 5 de setembro em São Paulo, reúne nada menos do que 500 objetos pessoais do músico. É a chance para aqueles que nunca tiveram a oportunidade de circular pelos aposentos de Graceland, a famosa mansão em Memphis, nos EUA, e conferir de perto objetos raros como o telefone folheado a ouro, a jumpsuit American Eagle (vestimenta clássica e característica de Elvis) usada no famoso especial Aloha From Hawaii, de 73, o MG vermelho utilizado no filme Feitiço Havaiano – Blue Hawaii, a motocicleta Harley-Davidson, entre outros.
 
Os fãs, logicamente, estão na contagem regressiva. A pedido do SaraivaConteúdo, alguns deles traçaram um Raio-X do Rei do Rock e tentaram explicar o porquê de Elvis ainda arrematar admiradores até hoje. Acompanhe!
 
Sergio Biston
 
Sergio Biston, colecionador
 
Profissão: empresário
 
Idade: 31 anos
 
Melhor disco e por quê: Elvis In Memphis. O retorno à música de qualidade. O disco mais maduro de Elvis. Há um rancor em sua voz que nunca mais se repetiria, e a seleção musical é de primeira.

Melhor filme e por quê: King Creole. Um clássico meio noir, com bom enredo ambientado em Nova Orleans e com uma trilha sonora que mistura rock e música dixie de maneira única. Um dos poucos filmes que deram a Elvis a chance de atuar verdadeiramente.

Melhor momento da carreira: Seria injusto escolher um apenas. A explosão do rock, entre 1955-1958, o retorno do exército entre 1960-1962 e o período entre 1968-1973, no qual Elvis se reinventou, seriam escolhas obrigatórias.

Melhor roupa (figurino): As jumpsuits usadas nos palcos da década de 70.

Melhor show (turnê): A turnê de novembro de 1971. Elvis no auge da forma com um repertório mesclando rock e pop.

Melhor par romântico (nos filmes): Ann Margret.

Melhor canção para dançar: "Ain’t That Loving You Baby".

Melhor música para namorar: "Don’t". 
 
Mico do Elvis (podia ter passado sem essa...): Harum Scarum e outros filmes do meio da década de 60.

Objeto de desejo: Um dos famosos óculos de aviador que pertenceram a ele.

Qual o primeiro disco/objeto que você comprou e quando? Elvis Now, um disco lançado em 1972 e que comprei em 1987.

O que você não imagina Elvis fazendo... Seguindo tendências.
 
Qual a lembrança mais remota? A capa do disco Elvis Now.
 
Melhor verso...     
 
“I can't give you the love you need
I just won't be here that long
But if you still want me here tonight
I'll love you till the break of dawn”
 
de "Inherit The Wind".
 
Música que emociona... "You´ll Never Walk Alone".
 
Música para ouvir no chuveiro... Nenhuma, o barulho do chuveiro atrapalharia o som (risos).

“Elvis não morreu” quando... Entrou para o exército.
 
Uma curiosidade... Apesar do pouco estudo formal, Elvis tinha como hábito a leitura e se interessava por assuntos da política à religião.
 
Uma relíquia... O pijama que pertenceu a ele e que adquiri de sua última namorada num leilão em 2008.

Top 5 de Elvis: "Mystery Train", "A Mess Of Blues", "Suspicious Minds", "Burning Love" e "Promised Land".
 
O que Elvis tem de melhor... A voz e a habilidade de cantar qualquer coisa.
 
Qual seria o setlist do iPod de Elvis nos dias de hoje? Músicas de todo os estilos. Talvez música country e alguma coisa de Adele como "Someone Like You".

O que Elvis acharia de Michael Jackson, Madonna e Lady Gaga, respectivamente? Elvis sempre respeitou seus colegas de profissão. Michael, Madonna e até Lady Gaga bebem da mesma fonte de Elvis.
 
Como seria o Elvis hoje, em 2012, em relação às redes sociais? Elvis gostava de tecnologia. Teve um dos primeiros telefones móveis na década de 70, uma das primeiras câmeras filmadoras e um dos primeiros controles remotos. Talvez se interessasse pela internet, mas provavelmente daria um tiro na tela do PC caso se irritasse com um twitter mal-educado.
 
Alessandra Benelli Rauber
 
Alessandra Benelli Rauber, mediadora da página Elvis in Concert Brasil no Facebook
 
Profissão: encarregada de escritório contábil
 
Idade: 40 anos
 
Melhor disco e por quê: On Stage, porque mostra a fase mais vigorosa de Elvis.
 
Melhor filme e por quê: Jailhouse Rock, porque Elvis interpreta um personagem rebelde e muito mal criado. Acho fofo!
 
Melhor momento da carreira: Anos 70.
 
Melhor roupa (figurino): Jumpsuit Chain.
 
Melhor show (turnê): Madison Square Garden.
 
Melhor par romântico (nos filmes): Ann Margret.
 
Melhor canção para dançar: "C´mon Everybody".
 
Melhor música para namorar: "I Remember You".
 
Mico do Elvis (podia ter passado sem essa...): O grande mico do Elvis foi ter se tornado refém dos medicamentos.
 
Objeto de desejo: A guitarra Gibson, usada no 68 Comeback.
 
Qual o primeiro disco/objeto que você comprou e quando? Foi o LP lançado pela RCA com uma coletânea de músicas do Elvis. Comprei em 1987.
 
O que você não imagina Elvis fazendo? Campanha política.
 
Qual a lembrança mais remota? O filme Seresteiro de Acapulco, na Sessão da Tarde.
 
Melhor verso (de qual música): 
 
"And while I can think, while I can talk…
While I can stand, while I can walk…
While I can dream, please let my dream
Come true, right now...",
 
da música "If I Can Dream".
 
Música que emociona: "Impossible Dream".
 
Música para ouvir no chuveiro: "Tiger Man".
 
“Elvis não morreu” quando... Ele entrou na minha vida...
 
Uma curiosidade... Fiz vigília, atualizando a página de minuto em minuto para comprar os ingressos do Elvis in Concert. Eu acordei três vezes na madrugada para verificar e, no fim, foi alarme falso...
 
Uma relíquia: Um item que tenho o maior carinho é uma caneca do Elvis que ganhei do meu filho no Dia das Mães.
 
Top 5 de Elvis... "Return to Sender", "Bossa Nova", "The Next Step is Love", "Stranger in the Crowd", "Just Pretend".
 
O que Elvis tem de melhor... Tudo!
 
Qual seria o setlist do iPod de Elvis nos dias de hoje? Eric Clapton, B.B. King, Amy Winehouse.
 
O que Elvis acharia de Michael Jackson, Madonna e Lady Gaga, respectivamente? Respeitaria o trabalho de cada um deles.
 
Como seria o Elvis hoje, em 2012, em relação às redes sociais? Ele seria muito ativo no twitter e teria milhões de seguidores.
 
Elvinho Presley
 
Elvinho Presley, cover

Nome de batismo: Álvaro Martins Alonço Neto

Profissão: músico e cover.

Idade: 32 anos
 
Melhor disco e por quê: Elvis An Afternoon in The Garden . O rei está com uma energia incrível. É uma performance memorável!
 
Melhor filme e por quê: King Creole. Elvis atua muito bem neste longa. Uma curiosidade é que, nele, podemos ver o rei sem suas famosas costeletas, raspadas já nessa época.
 
Melhor momento da carreira: O especial Aloha From Hawaii de 1977. Elvis está no esplendor de sua forma física e com uma voz aveludada, cantando lindas canções como "What Now My Love", "My Way..."
 
Melhor roupa (figurino): Mexican Sundial, de 1977.
 
Melhor show (turnê): The Madson Square Garden, em 1972.
 
Melhor par romântico (nos filmes): Juliet Prowse.
 
Melhor canção para dançar: "Blue Suede Shoes".
 
Melhor música para namorar: "I Remember You".
 
Mico do Elvis (podia ter passado sem essa...): Cantar "Hound Dog" para um cão, nos anos 50, em um programa de Steve Allen.
 
Objeto de desejo: Cinturão Gold Belt, de 1969.
 
Qual o primeiro disco/objeto que você comprou e quando? Foi o disco de vinil Elvis 40 Grandes Sucessos. Tinha 11 anos.
 
O que você não imagina Elvis fazendo... Faltando com respeito com um fã!
 
Qual a lembrança mais remota? Quando assisti a Elvis e Eu. Chorei muito, como se tivesse perdido um irmão no final do filme.
 
Melhor verso (de qual música)... "And I Love You So", da música homônima.
 
Música que emociona: "American Trilogy".
 
Música para ouvir no chuveiro: "Suspicious Minds".
 
“Elvis não morreu” quando... Tinha 13 anos e comecei a admirar seu trabalho.
 
Uma curiosidade... Elvis era loiro e de olhos azuis.
 
Uma relíquia: Uma pedra do túmulo dele que guardo com muito carinho.
 
Top 5 de Elvis: "My Way, Hurt", "Suspicious Minds", "If You Love Me", "Polk Salad Annie".
 
O que Elvis tem de melhor: Voz, carisma, estilo e humildade.
 
Qual seria o setlist do iPod de Elvis nos dias de hoje? Blues, música gospel. Acho que ele não deixaria de lado suas origens.
 
O que Elvis acharia de Michael Jackson, Madonna e Lady Gaga, respectivamente? Ele admirava todos os estilos.
 
Elvis e suas famosas Jumpsuits. Figurino que é uma de suas marcas
 
Marcelo Neves, presidente do Elvis Triunfal Fã Clube

Profissão: psicólogo
 
Melhor disco: From Memphis to Vegas/From Vegas to Memphis. É o registro da volta de Elvis aos palcos em Las Vegas, um momento histórico para o Rock.

Melhor filme: Elvis on Tour, de 1972. No Brasil, foi chamado de Elvis Triunfal. É exatamente o que se mostra no documentário, um Elvis totalmente triunfal aos 37 anos!

Melhor momento da carreira: Foram três grandes momentos: a explosão mundial em 1956, seu retorno em 1968/69 e o show Aloha From Hawaii via satélite para o mundo inteiro em 1973.

Melhor figurino: O Jumpsuit “Red Lion”.

Melhor show: Aloha From Hawaii, de 1973.

Melhor par romântico (nos filmes): Ann Margret

Melhor canção para dançar: "A Big Hunk o’ Love".

Melhor música para namorar: "Can’t Help Falling in Love'.

Mico do Elvis (podia ter passado sem essa...): Acho que foi lutar contra uma onça no filme Harum Scarum e matá-la depois de um golpe de caratê.

Objeto de desejo: Acho que minha coleção brasileira e americana de LPs e alguns bottons que eram vendidos nos shows de Elvis.

Qual o primeiro disco/objeto que você comprou e quando? Foi uma revista em 1977.

O que você não imagina Elvis fazendo: Um reality show. Ele jamais faria isso.

Qual a lembrança mais remota? Minha mãe e meu pai escutando o LP Elvis Today, em 1975. Tinha apenas 4 anos e me lembro muito bem.

Melhor verso (de qual música):
 
Trecho da música "The Impossible Dream".
“Esta é minha busca, seguir aquela estrela
Não importa quão sem esperança
Não importa quão distante
Lutar pelos direitos
Sem perguntar ou descansar
Estar disposto a marchar para o inferno
Por uma causa divina”
 
Música que emociona: "An American Trilogy".

Música para ouvir no chuveiro: "Stuck on You".

“Elvis não morreu” quando... Decidiu entrar em nossas vidas!

Uma curiosidade... Elvis conheceu Michael Jackson em 1974 e o apresentou à sua filha Lisa Marie. Anos mais tarde, ela se casaria com Michael.

Uma relíquia: Os primeiros compactos da Sun Records de 1954. Gostaria de tê-los.

Top 5 de Elvis: "Suspicious Minds", "An American Trilogy", "Separate Ways", "Polk Salad Annie" e "Burning Love".

O que Elvis tem de melhor: O sentimento de liberdade!

Qual seria o setlist do iPod de Elvis nos dias de hoje? Acho que ele escutaria Shania Twain, Celine Dion, Andrea Bocelli e Tom Jones, por exemplo.

O que Elvis acharia de Michael Jackson, Madonna e Lady Gaga, respectivamente? Elvis era muito discreto quando opinava sobre outros cantores. Nunca colocava sua opinião em público. Mas ele sabia enxergar perfeitamente o talento de outros artistas.

Como seria o Elvis hoje, em 2012, em relação às redes sociais? Elvis era, por incrível que pareça, muito acessível aos fãs. Com as redes sociais, ele iria se aproximar ainda mais! Ele foi um artista pioneiro em marketing voltado ao público “teen”. Com certeza não iria ficar de fora dessas tecnologias.
 
Gilvania Ferreira
 
Gilvania Ferreira, presidente do fã clube Elvis Number One Fan Club of Brazil
 
Profissão: jornalista
 
Idade: 38 anos

Melhor disco e por quê: That's the Way It Is. Um Elvis mais intimista, mais introspectivo.

Melhor filme e por quê: Change of habit (Ele e as Três Noviças). Foi o último filme de Elvis e é diferente de todos os anteriores.

Melhor momento da carreira: A volta por cima com o especial de 68.

Melhor roupa (figurino): Conjunto de couro preto usado no especial de 68.

Melhor show (turnê): Madison Square Garden, em junho de 1972.

Melhor par romântico (nos filmes): Ann Margret.

Melhor canção para dançar: "C'mon Everybody".

Melhor música para namorar: "This is Our Dance".

Mico do Elvis (podia ter passado sem essa...): Elvis de terno no programa The Steve Allen Show cantando "Hound Dog" para um cachorro da raça Basset Hound.

Objeto de desejo: O disco de ouro que Elvis ganhou pelo álbum That's the Way It Is.

Qual o primeiro disco/objeto que você comprou e quando? O primeiro disco foi o Aloha from Hawaii, em 1989.

O que você não imagina Elvis fazendo: Negar ajuda a alguém.

Qual a lembrança mais remota? A minha lembrança mais antiga é a cena final do filme Love me Tender, em que Elvis morre no final.

Melhor verso (de qual música):

"Tell me where, where does a fool go
When there's no one left to listen
To a story without meaning that nobody wants to hear
Tell me where, where does a fool go
When he knows there's something missing
Tell me where, where will I go from here
Where will I go from here?"
 
da música "Where do I Go From Here?"
 
Música que emociona: "Love me, Love the Life I Lead".

Música para ouvir no chuveiro: "Raised on Rock".

“Elvis não morreu” quando... Elvis não morreu!

Uma curiosidade: No bolo do meu casamento, havia um bonequinho de Elvis formando um triângulo amoroso comigo e meu marido.

Uma relíquia: Me orgulho de ter toda a filmografia original em DVD.

Top 5 de Elvis: "Always on My Mind", "I Just Can't Help Believin'", "Just Pretend", "Love Song of the Year", "The Twelfth of Never".
 
Qual seria o setlist do iPod de Elvis nos dias de hoje? Elvis amava gospel.

O que Elvis acharia de Michael Jackson, Madonna e Lady Gaga, respectivamente? Ele provavelmente diria que cada um faz o que achar melhor.

Como seria o Elvis hoje, em 2012, em relação às redes sociais?
Acharia a internet uma ótima oportunidade para descobrir novidades, mas não acredito que seria um ávido twitteiro.
 
Serviço:
 
Exposição THE ELVIS EXPERIENCE
Quando: de 05/09 a 05/11
Onde: Shopping Eldorado (estacionamento descoberto) - Av. Rebouças, 3.970 – Pinheiros
Quanto: de R$ 20,00 a R$ 500,00
Classificação: Livre
 
ELVIS PRESLEY IN CONCERT
Brasília
Quando: 06/10, às 21h.
Onde: Ginásio Nilson Nelson - SRPN – Ginásio Nilson Nelson – Asa Norte
São Paulo
Quando: 08/10 e 09/10, às 21h.
Onde: Ginásio do Ibirapuera - Rua Manoel da Nóbrega, 1.361 – Ibirapuera
Rio de Janeiro
Quando: 11/10, às 21h.
Onde: Ginásio Maracanãzinho - Rua Prof. Eurico Rabelo, S/N – Maracanã
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Comentários (4)
carlos - 01/09
é e sempre será elvis o unico imitavel
maria lourdes - 06/04
Amei saber as coisas que vocês contaram, só quem ama ELVIS, sabe a importância disso. ELVIS é como um grande holofote que continua a iluminar a musica e o rock.
william santos - 18/03
no final de tudo Elvis é melhor de todos
carlos jose de oliveira rosa - 18/09
sem palavras. isso é elvis
Comente você também!
Nome

Mostrado junto ao comentário
Email

Não mostrado junto ao comentário
Postar Comentário
CAPTCHA
Copie os caracteres que
aparecem na figura ao lado

Notícias
Visite nosso site de vendas
Arquivo
powered by Brado! Networks